25 de janeiro de 2015

Àquele que Chega



Bem-vindas sejam novamente as borboletas...
E como me inspira mais a tristeza,
para a alegria tomo as palavras de outro:
-------------------------------------------------------------

"Chegou a minha vez, e não hesito:
Quero ao menos falhar em tom agudo.
Cada som como um grito
Que no seu desespero diga tudo.

E arrepelo a cítara divina.
Agora ou nunca - meu refrão antigo.
O destino destina,
Mas o resto é comigo."

Miguel Torga, In Orfeu Rebelde

19 de janeiro de 2015

Depois de Ti


Tudo está calmo, sereno e em paz.
Não há mais dor, nem saudade, nem medo
Restou apenas o silêncio no canto dos pássaros
E esse escuro insistente em meus olhos abertos

Mª Lucas

Desconheço a autoria da foto

8 de janeiro de 2015

No Fundo



Eu não queria escrever. No fundo, no fundo
o que eu queria era ser escrita.

Maria Lucas


Oração


Não me ofereçam beijos de outono. Mais que por perto, eu quero por dentro.
Eu quero a febre da carne, eu quero a fome do povo, eu quero o último amor.
Livrai-me, ó Pai, do juízo sem graça daqueles que sofrem, muito antes da dor,
Dá-me a coragem de viver aquilo que escrevo e mais daquilo que evito
Traz-me a força do chão e a frescura da semente
E antes de tudo, e depois de tudo, e acima de tudo…
Leva para bem longe de mim a saudade 
de tudo aquilo que um dia se fez ausente.

Maria Lucas
(desconheço a autoria da imagem)

4 de janeiro de 2015

A Coragem dos Tolos


Há em mim uma necessidade cósmica de ti.
Uma vontade imensa de te falar de estrelas,
Só para ver de novo o sol do teu sorriso,
Pois, com apenas um beijo teu, o universo inteiro era meu.

Um dia, culpa das estrelas, por certo,
Decorei um discurso inteiro de beijos
E enchi-me com a coragem dos que sonham… ou dos tolos, talvez.

Eu até pensei que o teu riso era para mim,
No entanto,
Era outra a boca que te falava de estrelas, então.

E assim, de repente…anoiteci.

Dizem os sábios, que não há mal que para bem não venha.
Vão-se os teus beijos, mas ficam-me os sonhos, as lembranças
E um desejo imenso de felicidade para ti.

Que tenhas a sorte de sentires o universo inteiro na palma de tuas mãos
Com apenas um…
Apenas um beijo.


M. Lucas