25 de março de 2014

Mais Uma Primavera.



 Aniversário-03/2014


Meus amigos são poucos e bons. Meus amigos são todos adultos, mas com alma de criança. Têm um certo brilho no olho de quem sabe que não importa o frio lá fora, pois o calor vem de dentro. Mas há que ter talento. O canto, a dança, a rima ou o riso... há que ter. Meus amigos têm sempre algo a dizer, mas nunca se esquecem de ouvir. Têm o ombro macio, o abraço apertado e o sorriso rasgado de quem sabe viver. Meu amigo não tem preconceito porque sabe que em tudo, é preciso respeito. Mas se engana o que espera que por tanta bondade ao meu amigo sereno lhe falte o poder. Todos eles se ajeitam, mas quando a vida se agita e o sossego se afasta, por maior o perigo nunca faltam amigos, nunca é longo o sofrer. E se a rima não basta, se o choro é sentido, se a lágrima insiste,....vem de lá esse ombro, vem daí esse abraço e não esqueça o sorriso, pois pode ser que um amigo não evite as dores ou o que tiver de ser, mas com um amigo, isso lá é verdade:
_o prazer é em dobro; o sofrer..... só metade.

Mª Lucas.

Um carinho para todos os amigos que estiveram comigo em presença e também em saudade.

1 de março de 2014

Quando Ele Dança



"Presta atenção, minha amiga, quando ele dança.
Quando ele dança é bem mais que dança, é melodia
E aqueles passos, bem mais que passos, são poesia."

Maria Lucas.