13 de junho de 2013

Fragilidades



As mudanças quando chegam costumam vir de todos os lados
expondo fragilidades que tentamos guardar só para nós.
E não é que no meio da ventania alguém se encanta
justamente com o que se tentava esconder?
E eu ouvi:
"_Deixa que a vida levante a tua saia, menina....
e que o vento da mudança leve o que é frágil e vão
e traga o que é teu e é são.
Pois só o que vale a pena correr atrás na vida é aquilo que quer ser alcançado!"
Há que haver concordância entre o desejo e o desejado,
o resto é lamento....e eu lamento.
Enviar um comentário